Obras no Rio de Janeiro: Arco Metropolitano

  • Sharebar

O Arco Metropolitano do Rio de Janeiro é uma rodovia projetada que servirá como ligação entre as principais rodovias que cortam a Região Metropolitana do estado do Rio de Janeiro, BR-040, BR-116 (Norte e Sul), BR-465 e BR-101 (Norte e Sul), atravessando os seguintes municípios: Itaboraí, Guapimirim, Magé, Duque de Caxias, Nova Iguaçu, Japeri, Seropédica e Itaguaí.

A obra tem como obejtivo, desviar o tráfego de veículos comerciais de longa distância, aliviando os principais corredores metropolitanos, tais como a Avenida Brasil e Ponte Rio-Niterói, BR-101 (entre Manilha e Ponte). Além disso viabiliza a implantação de terminais logísticos, com redução dos tempos de viagem e custos de transportes, bem como a distribuição destas cargas para os mercados consumidores e, introduz novos vetores de expansão urbana para os municípios localizados em sua área de influência.

O projeto será dividido em etapas. O primeiro trecho, com 73 km, ligará as rodovias Washington Luís e a Rio-Santos. Está orçando em R$ 800 milhões e será inicialmente executado em cooperação entre o Governo do Estado do Rio de Janeiro e o DNIT. Quando o projeto estiver concluído, o arco total deverá ter 145 km. Diferente do Rodoanel paulista, o Arco Metropolitano não possuirá trecho sul, uma vez que cortará municípios litorâneos.